Prefeito Liba nega novamente direitos dos servidores, dessa vez dos ACS e ACE

postado em: Notícias | 0

O prefeito Liba (DEM), de Navegantes, que é empresário, novamente está sonegando os direitos dos servidores públicos municipais. Dessa vez, as categorias atacadas pelo prefeito foram os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate a Endemias (ACE), que neste mês de abril não tiveram os seus vencimentos equiparados ao piso nacional, mesmo após lei municipal ter assegurado esse direito à categoria.

Vale destacar que o piso da categoria já deveria estar em vigor desde janeiro de 2021, porém pela inércia do governo Liba, a lei somente foi aprovada em 12 de março, com pagamento na folha de abril.

Porém, ao receberem a folha salarial do mês, os servidores detectaram que o valor reajustado não foi pago, muito menos os meses retroativos que deveriam ser pagos também. O Sindifoz já oficiou o governo para cobrar explicações sobre o descumprimento da lei municipal e também o não pagamento do novo piso nacional aos servidores ACS e ACE.

Mesmo com poucos meses na função de chefe do Poder Executivo, o prefeito Liba tem colecionado situações em que os servidores têm o seu direito suprimido. A primeira foi a aprovação somente para o mês de março da recomposição inflacionária que deveria ter sido paga em janeiro. Na sequência, Liba não atualizou o vale-alimentação dos servidores municipais, que deveria ter sido corrigido com o mesmo índice da reposição salarial.

Não contente, o governo municipal também diminuiu o valor da insalubridade recebida pelos trabalhadores da Saúde, que estão há mais de um ano enfrentando a pandemia na linha de frente, mas também não foram poupados pelo governo Liba. Agora, são os ACS e ACE, que também atuam em área de alto risco de contaminação de covid-19, que são alvos da falta de valorização e respeito por parte da administração municipal.